Leitura de imagens - Como introduzir

Dados da Aula

O que o aluno poderá aprender com esta aula
Exercitar a linguagem oral e o espírito crítico como forma de se expressar sobre diferentes imagens apresentadas.
Expressar-se, com desenvoltura, a partir de uma gravura sobre situações envolvendo crianças.
Realizar a leitura de uma imagem sobre crianças.
Participar de uma discussão oral, com desenvoltura, a partir de uma imagem apresentada.
Interpretar imagem oralmente e por escrito
Duração das atividades
Aproximadamente 3 aulas de 50 minutos
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
É necessário que o aluno reconheça que imagens e/ou gravuras são tipos de textos que podem ser lidos e interpretados.
Estratégias e recursos da aula
1. Levar para a sala de aula gravuras que apresentem crianças brincando, como: jogando futebol, brincando de cabra-cega, brincando de pique-esconde e outros.
MODELOS:
2. Dividir a turma em grupos de quatro alunos e entregar a cada grupo duas gravuras
pesquisadas.
3. Pedir aos alunos que observem atentamente as gravuras e que conversem sobre as mesmas.
4. Pedir para que cada grupo vá até à frente da sala e mostre as gravuras que lhe coube para o restante da turma e que explique, com suas próprias palavras, o que estão lendo em cada uma delas.
5. Após todos os grupos exporem as suas gravuras, as mesmas deverão ficar expostas no quadro para que todos os alunos possam visualizá-las.
6. Realizar a seguinte conversa oral:
a) De que assunto trata as gravuras?
b) Das brincadeiras apresentadas nas gravuras, qual você costuma brincar mais? Por quê?
c) Das brincadeiras apresentadas nas gravuras, qual você costuma brincar menos? Por quê?
d) Qual das brincadeiras você nunca brincou? Por quê?
e) Quais brincadeiras você acha que é só de menino? E só de menina? Por quê?
Professor: Explore o máximo a discussão sobre as gravuras. Procure ouvir todos os alunos. Explore, também, a imagem como um todo: local, estilo da criança, menino ou/e menina.
7. Após a discussão oral, entregar aos alunos a seguinte gravura.


Pieter Bruegel, o Velho. Jogos Infantis, 1560. Kunsthistorisches Museum, Viena.
8. Realizar a leitura da imagem, oralmente, junto com os alunos.
PROFESSOR: Se for possível, seria interessante que a gravura fosse ampliada, afixada no quadro e analisada conjuntamente.
9. Explicar aos alunos que essa é uma pintura muito antiga. Salientar que nessa tela foram identificadas 250 personagens participando de 84 brincadeiras e que grande parte delas é conhecida ainda hoje.
10. Pedir que os alunos observem bem a imagem e identifiquem algumas brincadeiras conhecidas por eles.
11. Entregar uma folha contendo as seguintes questões:
a) Qual é o título da pintura?
b) Quem é o pintor?
c) Quando o quadro foi pintado?
d) O que o artista pintou em seu quadro?
e) Que cores o pintor utilizou mais?
f) Identifique e circule na imagem as seguintes brincadeiras.
  • plantar bananeira;
  • cabo de guerra;
  • pular sela;
  • corrida com aros.
a) Essa atividade poderá ser feita em duplas.
b) Poderá ser feito um trabalho interdisciplinar com a Educação Física, onde os alunos praticarão as brincadeiras.
11. Entregar uma folha contendo as seguintes questões:
a) Qual é o título da pintura?
b) Quem é o pintor?
c) Quando o quadro foi pintado?
d) O que o artista pintou em seu quadro?
e) Que cores o pintor utilizou mais?
f) Identifique e circule na imagem as seguintes brincadeiras.
  • plantar bananeira;
  • cabo de guerra;
  • pular sela;
  • corrida com aros.
Recursos Complementares
O livro das brincadeiras, de Bernardina Felgueiras. Editor: Arte Plural Edições. Coleção: Ócio Criativo
As regras e a disciplina são essenciais na educação das crianças, no entanto, não têm de ser impostas de uma forma autoritária, mas sim ensinadas num tom ligeiro e divertido. Para pais e professores, este livro pretende pôr à sua disposição uma «varinha mágica» para lidar com os mais pequenos, um «instrumento» que raramente falha: o riso e a brincadeira.   Descubra nas páginas deste livro as brincadeiras que permitirão às crianças desenvolver: Observação, atenção, coordenação; tranquilidade, autoconfiança; riso, alegria; relação com o ambiente circundante; deescoberta, imaginação, criatividade; ritmo, música, movimento e sociabilidade.
Avaliação
Ao final das atividades o professor deverá avaliar se os alunos:
Exercitaram a linguagem oral e o espírito crítico como forma de se expressar sobre diferentes imagens apresentadas.
Expressaram-se com desenvoltura, a partir de uma gravura sobre situações envolvendo crianças.
Realizaram a leitura de uma imagem sobre crianças.
Participaram de uma discussão oral, com desenvoltura, a partir de uma imagem apresentada.
Interpretaram a imagem oralmente e por escrito.

AUTORA: Ana Beatriz Gama da Mota
Confira outras aulas no http://portaldoprofessor.mec.gov.br



Nenhum comentário:

Direitos autorais

Direitos autorais